SIGA O JUSCELINO NAS REDES  
  
  
  
  
Home > Cultura > Curiosidades do acervo do Museu Paulista em evento global on-line

Curiosidades do acervo do Museu Paulista em evento global on-line

Começou nesta segunda-feira, dia 11, e vai até domingo, dia 17, a Museum Week, evento global on-line que busca integrar museus e instituições culturais de todo o mundo. Nesta edição, que tem como tema geral Togetherness (“União”), os participantes – cerca de 60 mil entidades de mais de 100 países – devem postar nas redes sociais, como Facebook, Instagram e Twitter, imagens relativas a sete temáticas, uma para cada dia do evento. Essas temáticas são: “Heróis” (segunda-feira, dia 11), “Quarentena Cultural” (terça-feira, dia 12), “Juntos” (quarta-feira, dia 13), “Momentos do Museu” (quinta-feira, dia 14), “Clima” (sexta-feira, dia 15), “Tecnologia” (sábado, dia 16) e “Sonhos” (domingo, dia 17).

O Museu Paulista da USP – conhecido popularmente como Museu do Ipiranga – é uma das instituições participantes da Museum Week. Nesta semana, o museu está postando diariamente nas redes sociais imagens e informações relativas às temáticas propostas pelo evento.

Na segunda-feira, dia 11, primeiro dia da Museum Week, o tema “Heróis” foi ilustrado pelo museu da USP com a escultura de um bandeirante. “O Museu do Ipiranga possui em seu acervo uma série de obras de arte que apresentam a figura do bandeirante. Essas imagens foram elaboradas no início do século 20 – ou seja, séculos depois da existência dos próprios bandeirantes – e criaram uma representação heroica desses personagens, bastante polêmica para nossa leitura nos dias atuais”, destaca texto divulgado pelo museu, ao lado da figura do bandeirante. O texto informa ainda que, em 2017, o museu discutiu a construção histórica dessas figuras na exposição Bandeirante: Um Personagem em Debate (disponível on-line através deste link).

Maria Quitéria, heroína da Guerra da Independência da Bahia  – Foto: Reprodução – Wikimedia Commons

Além do bandeirante, o museu abordou o tema “Heróis” também com a figura de Maria Quitéria de Jesus Medeiros (1792-1853), combatente na Guerra da Independência da Bahia. Maria Quitéria ficou conhecida por ter se vestido como homem, cortado seus cabelos e se alistado para o chamado “exército dos periquitos” naquele conflito, informa o texto que acompanha a imagem. “Após ter sido descoberta, foi condecorada por D. Pedro I com a Ordem do Cruzeiro – a mais alta distinção concedida pelo Império.”

Tarcísio Meira como D. Pedro I e Glória Menezes como a Marquesa de Santos, no filme Independência ou Morte, de 1972: representações do primeiro imperador do Brasil – Foto: Reprodução

Já para esta terça-feira, dia 12 – que tem como tema “Quarentena Cultural” -, o Museu Paulista estampa nas redes sociais imagens de D. Pedro I: uma pintura do primeiro imperador do Brasil, pertencente ao acervo do museu, e fotos de atores vestidos como D. Pedro I, tal como foi interpretado na televisão e no cinema. Os atores são Caio Castro, Reynaldo Gianecchini, Marcos Pasquin, Gracindo Júnior e Tarcísio Meira, este acompanhado da atriz Glória Menezes, que encarnou a Marquesa de Santos no filme Independência ou Morte, de 1972. “Um dos personagens mais presentes nas pinturas do Museu do Ipiranga é o imperador Pedro I”, informa o texto divulgado com as imagens. “Embora ele nunca tenha visto o edifício do museu (ele faleceu em 1834 e o prédio foi construído entre 1885 e 1890), muitas representações foram elaboradas sobre sua figura por conta da vinculação do museu com o imaginário da Independência.”

Acompanhe as postagens diárias do Museu Paulista da USP, durante a Museum Week, no Facebook, no Instagram (@museudoipiranga) e no Tweeter (@museupaulista).

Por Jornal da USP

Você pode gostar também de
Acervo de Vladimir Herzog pode ser consultado on-line
Museu das Comunicações e Humanidades abre parte do acervo com peças inéditas na internet
Acervo digital mostra vida e obra de Vladimir Herzog
Thomas Mann e Hilda Hilst são temas de eventos on-line

Deixe o seu comentário