SIGA O JUSCELINO NAS REDES  
  
  
  
  
Home > Cultura > Em Berlim, prédios e quarteirões viram ‘sala de cinema’

Em Berlim, prédios e quarteirões viram ‘sala de cinema’

Pegar um cineminha no futuro próximo pode não mais significar se apertar entre fileiras de assentos em uma sala de cinema. Há quem aposte na volta dos Drive-Ins. Já o arquiteto alemão Olaf Karkhoff propõe apenas repensar as dimensões: e se ao invés de uma tela, o filme fosse transmitido na fachada de um prédio, para uma vizinhança inteira assistir.

É isso que Olaf vem ponto em prática desde fevereiro com seu projeto, Window Flicks, que repensa a experiência comunal de assistir um filme. É uma solução bem engenhosa para o distanciamento social – e para quem já está cansado da impessoalidade de uma Netflix Party. Faça a pipoca, abra a janela, dê um oi ao vizinho e boa sessão!

Promote health. Save lives. Serve the vulnerable. Visit who.int

Projeção ajuda moradores de Berlim a curtir um cinema (Foto: Reprodução / Instagram)
(Foto: Reprodução / Instagram)

Qualquer morador de Berlim pode encomendar a experiência com Olaf e seu time. Há um porém: o interessado precisamorar próximo de uma fachada nua, que seja visível por ao menos outros 20 domicílios. O projetor e o sistema estéreo são instalados em um dos apartamentos. Por ora, o catálogo inclui  Adeus, Lênin, O Artista, Com Amor, Van Gogh e outros quatro longas. Pipoca e a própria exibição são gratuitas, mas participantes são convidados a realizar doações, que também ajudam a produção cinematográfica independente de Berlim.

Projeção ajuda moradores de Berlim a curtir um cinema (Foto: Reprodução / Instagram)
(Foto: Reprodução / Instagram)

Detalhe curioso: segundo nota do site Fast Company, nenhuma das exibições contaram com um sinal verde da prefeitura. Segundo Olaf, não houve até o momento qualquer reclamação. “As pessoas ficam contentes de ver, porque é uma baita experiência assistir a um filme em uma parede de 30 ou 50 metros”, comenta.

dependente de Berlim.

Você pode gostar também de
Com pandemia, tendência dos cinemas drive-in cresce no Brasil
Com cinemas fechados, Oscar muda regras e vai permitir filmes do streaming
Seijun Suzuki: IMS abre mostra de cineasta japonês que influenciou Tarantino
Museu da Imagem e do Som abre inscrições para cursos sobre cinema, fotografia e mais

Deixe o seu comentário