SIGA O JUSCELINO NAS REDES  
  
  
  
  
Home > Comida > Aprenda a preparar uma deliciosa paçoca de pinhão

Aprenda a preparar uma deliciosa paçoca de pinhão

As ruas das cidades que produzem pinhão viram vitrines nessa época do ano. Por toda parte, há vendedores da semente. O vendedor Marildo Antunes de Oliveira, de Francisco Beltrão, no sudoeste do estado, não tem do que reclamar.

“Graças a Deus, tem vendido bem. Nesta fase do corona, o que está me levando é o pinhão”, disse.

Em alguns pontos, os vendedores disputam a atenção da clientela com promoções. Mas, se por um lado, a procura pela semente anda aquecida, por outro, descascar as sementes, depois de cozidas não é das tarefas mais animadores. O comerciante Geralci Ampolini conta que já passou apuros descascando pinhões.

“Eu tinha feito uma sapecada de pinhão sobre a chapa e estava abrindo os pinhões em cima de uma mesa, com um martelo, mas me descuidei e bati numa garrafa de vinho que caiu e se esborrachou no chão”, explicou.

Foi quando seu Geralci teve a ideia montar um descascador de pinhão. Ele queria um que só esmagasse a semente, sem lâminas e riscos de acidente Depois de mais de 10 tentativas, uma espécie de alavanca foi aprovada.

Os amigos viram e começaram a encomendar a engenhoca. Com a renda da família comprometida por causa da pandemia, os descascadores de pinhão feitos no quintal de casa estão dando um reforço no orçamento.

E não é só das finanças dele. Vinte e cinco por cento do que arrecada com as vendas, o comerciante usa pra comprar cestas básicas e as doa pra quem precisa.

“Agora, ninguém precisa ficar por perto pra limpar. A minha esposa não brigas mais comigo. Está tudo em paz”, brinca.

Agora, imagine descascar mais de 100 quilos de pinhão! Esta é a quantidade que o Clube Rotary Cango, em Francisco Beltrão, costuma usar nas receitas da tradicional festa do entrevero e da paçoca de pinhão, feita todos os anos, como explica a empresária Simone Salmória.

“Geralmente, a gente divide em vários dias. A gente cozinha em tachos e, depois, se reúne pra fazer o descasque. Isso tudo pra chegar no dia e está tudo descascado. Do contrário, não teria condições de descascar no dia da festa”, contou.

Este ano, os associados do clube ainda não sabem se vão conseguir fazer a festa em agosto, mas nem por isso vamos ficar sem a receita. Confira o passo a passo:

Paçoca de pinhão

Paçoca de pinhão é do tempo dos tropeiros e faz sucesso ainda nos dias de hoje — Foto: Reprodução/RPC

Paçoca de pinhão é do tempo dos tropeiros e faz sucesso ainda nos dias de hoje — Foto: Reprodução/RPC

Ingredientes

  • 250 gramas de carne de gado moída
  • 250 gramas de carne suína moída
  • 500 gramas de pinhão cozido
  • 150 gramas de bacon
  • 150 gramas de calabresa picada
  • Sal e temperos a gosto

Modo de preparo

Primeiro, frite as carnes e reserve. Depois, frite o bacon e reserve. Na mesma panela, na gordura do bacon, frite a calabresa e reserve. Ainda na mesma panela, coloque cebola, alho e temperos à gosto. Quando estiver dourado, volte as carnes, o bacon e a calabresa para a panela. Na sequência, moa bem o pinhão, formando uma espécie de massa, e junte às carnes.

Depois, é só misturar e colocar cheiro verde por cima.

Veja mais receitas na página Receitas Paranaenses.

Por G1

Você pode gostar também de
O vinho e o porco em sete receitas harmonizadas com tintos, brancos e rosados
Lasanha de espinafre com ricota
Dicas simples e infalíveis ajudam a fazer um bolo de laranja fofinho e saboroso; aprenda
Livro traz a luta de Fernando de Azevedo pela educação pública

Deixe o seu comentário